Vivert Reserva da Mata
Arquitetura
Projetos Premiados
Urbanismo
Loteamento
Minas Gerais
Bom Sucesso
2021
2021 Vivert Reserva da Mata Bom Sucesso, MG Área do terreno: 94 ha Rodovia MG-335 – Próximo à Lagoa do Funil
Imagens: Dávila Arquitetura
Premiado na categoria Produto Imobiliário 2021

Projetado pela Dávila, e premiado pelo ‘Master Imobiliário’, o Vivert Reserva da Mata é um empreendimento urbanístico localizado no distrito de Macaia, na cidade de Bom Sucesso, em Minas Gerais. O terreno de mais de 2 milhões de metros quadrados está às margens de um lago, a Represa do Funil, sendo em grande parte (400 mil m²) ocupado por matas, espelhos d’água e áreas de preservação da Mata Atlântica. Somando 300 lotes com áreas entre 1.500 a 5 mil m², o empreendimento, que oferece heliponto e portaria 24 horas, reúne características únicas e especiais em solo mineiro, o que o coloca em posição de destaque no Estado e no país.

 

Foi precisamente a exuberância “ambiental” do lugar que definiu a concepção de um urbanismo mais próximo da natureza, traduzido em uma nova forma de viver, o que inclui possibilidades de usos e lazer variados e sustentáveis, além de uma interação rica e variada com a natureza. O conceito envolveu múltiplas abordagens para a ligação dos moradores e usuários a seus sentidos, especialmente através da natureza. Denominado como os ‘Sete Caminhos de Reconexão’, o projeto do Vivert focou na promoção da vida, abrangendo itens como a priorização da natureza, alimentação saudável, esporte e lazer, trabalho e leveza, arte e cultura, amizade e transcendência. Estas visões estão representadas em um entrelaçamento fluido das áreas privativas e comunitárias que ao mesmo tempo conferem liberdade e integração aos usuários.

 

No desenvolvimento do projeto em si, identificamos três áreas com ambiências e características e especiais: a área da orla do lago, com vista e contato mais imediato com a água, a área do lago interno junto à mata, de ambiência mais bucólica, e, finalmente, a área mais elevada do terreno, que apresenta topografia suave e vista panorâmica. Esta variedade de ambientes proporcionou a criação de lugares variados com criação de lotes com diferentes áreas e acessíveis por ruas pavimentadas.

 

A área da orla naturalmente se volta para o lago e favorece os esportes náuticos, oferecendo uma marina área comercial e garagem para barcos. Ali também imaginamos o clube, implantado em uma península do terreno, portanto rodeado pela água e ampla vista do lago e incluindo uma “prainha” de areias brancas.

 

A área mais elevada do Vivert recebeu lotes maiores e uma pequena hípica para esportes equestres. Enquanto isso, a área do lago interno traz trilhas e pistas de caminhada, com o lago circundado apenas por via de pedestres. Sem o movimento de carros neste ponto, o ambiente bucólico natural é reforçado. Já para a área da mata também foi proposta a instalação de trilhas para pedestres, mas também cavalos e bikes. Nesta região, foram imaginadas atividades de lazer e esportes compatíveis com o ambiente natural.

 

O Vivert Reserva da Mata conta ainda com horta e pomar orgânico, clube, pistas de corrida, áreas de natação, circuito oficial de ‘cross triathlon’, espaços de ‘coworking’, jardim de esculturas com obras de arte de grandes artistas, capela e áreas para a prática de atividades de autoconhecimento e espiritualidade.

 

A questão da permeabilidade e do uso sustentável de todo o território foi preponderante e se refletiu, por exemplo, na generosidade das vias de pedestre e ciclovias, que tornam acessíveis toda a orla do lago, bem como acessos a mata e lago interno, priorizando deslocamentos internos em todo o empreendimento sem a necessidade de veículos motorizados.

VEJA MAIS PROJETOS
Projetos Premiados